NOTÍCIAS

Aumenta a participação dos manufaturados brasileiros no comércio mundial

Estudo da CNI mostra que a fatia do Brasil nas exportações de produtos industriais cresceu para 0,61%. Mas a participação do país no total da produção industrial mundial caiu para 2,08%. A desvalorização do real frente ao dólar e a crise econômica ajudaram o Brasil a conquistar o mercado externo. A participação dos produtos industrializados brasileiros no comércio mundial aumentou de 0,59% em 2015.

Leia Mais

Falta de matéria-prima para a indústria madeireira e de papel e celulose é iminente

A produção de toras de pinus não está acompanhando a demanda por matéria-prima das indústrias madeireiras, de papel e celulose, painéis e toras, e falta de matéria-prima para a indústria é iminente. Segundo estudos de mercado conduzidos pela Forest2Market percebe-se a tendência cada vez mais clara de alta demanda e queda na produção de toras de pinus, o que pode levar a um desequilíbrio no balanço entre oferta e demanda nos próximos anos.

Leia Mais

Fibria consegue redução de prejuízos no segundo trimestre

Nos seis primeiros meses do ano, a Fibria teve lucro líquido de R$ 405 milhões, frente a R$ 70 milhões no mesmo semestre de 2017. Apesar do forte desempenho operacional, com recorde em resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) e fluxo de caixa livre, a Fibria encerrou o trimestre com prejuízo líquido atribuído aos sócios da empresa controladora de R$ 212,3 milhões no segundo trimestre de 2018, queda de 19% frente à perda líquida apurada um ano antes.

Leia Mais

CNI reduz estimativas e prevê crescimento de apenas 1,6% para a economia e de 1,8% para a indústria

Informe Conjuntural destaca que a recuperação mais robusta da atividade depende da definição do quadro eleitoral e de um programa efetivo de controle dos gastos públicos. As incertezas sobre os resultados das eleições e os rumos da política econômica do novo governo, associadas aos impactos da greve dos caminhoneiros e às mudanças do cenário internacional, comprometem o desempenho da indústria.

Leia Mais

Celulose Bate Recorde de Exportação de Produtos Florestais

A celulose agora ocupa a 2ª posição nas exportações do agronegócio brasileiro. A exportação de produtos florestais foi impulsionada, principalmente, pelo crescimento da celulose: o crescimento no primeiro semestre foi de 44% em relação ao mesmo período de 2017 e atingiu uma marca recorde de comercialização.

Leia Mais

Brasil precisa de política clara de comércio exterior, defende Ibá

O Brasil precisa de uma política de comércio exterior mais clara e estável, calcada em acordos internacionais e normas internas que não tornem custosa a exportação. É o que defende Elizabeth de Carvalhaes, presidente da IBÁ, entidade que representa o setor de produtos florestais, como celulose e papel. Lembrando que o país está em ano eleitoral, a executiva defende ainda que o comércio exterior seja na agenda dos candidatos à presidência da República.

Leia Mais

Produtos florestais superam carnes nas exportações do agro

Os produtos florestais, como papel, painéis de madeira e celulose, ganharam espaço na pauta de exportações do agronegócio do Brasil no 1º sem/2018, superando setores como o de carnes. É o que mostram as estatísticas do MAPA referentes ao período, com base nos registros oficiais de comércio exterior. De janeiro a junho deste ano, o segmento representou 14,3% do valor das exportações da agropecuária brasileira, ficando em segundo lugar no ranking.

Leia Mais

Alta do dólar encarece matéria-prima e pressiona margem de lucro da indústria

A alta de 18% do dólar no primeiro semestre fez subir os custos com matéria-prima e investimentos, principalmente na indústria, num momento em que as empresas já estão com pouca gordura para queimar. Isso pode levar as companhias a adiar investimentos e contratações. Um levantamento do Bradesco indica que as altas de custo no atacado, nos últimos 18 meses, vêm sendo absorvidas antes de chegar ao varejo.

Leia Mais

Recertificação Imballaggio - ISO 9001 - 2015 DNV-GL

A Imballaggio recebeu em Julho corrente a recertificação na norma ISO 9001 na versão 2015 pela DNV-GL como primeira empresa do setor no nosso Estado

Leia Mais

BB Investimentos vê forte demanda internacional para celulose

Em uma análise sobre o setor de papel e celulose, principalmente devido à forte demanda na Europa e na China, especialmente para celulose de fibra curta. O fenômeno se explica devido às novas ofertas de papel vindo do mercado. Os analistas do banco destacam que o spread entre fibras NBSK e BHKP também chegaram a níveis bem altos e devem contribuir para aumentos de preços para a fibra curta no curto prazo. Além disso o dólar mais forte deve continuar a afetar positivamente as receitas das empresas.

Leia Mais

Klabin lança desafio para startups

Empresa busca soluções para a área de embalagens no Desafios Klabin, seu programa de conexão com startups. A Klabin acredita que a tecnologia pode contribuir para que processos sejam ainda mais ágeis. Por esse motivo, a companhia está em busca de soluções de automação industrial para impressoras conversoras, automatizando o processo de alimentação e saída de matéria-prima, basicamente chapa de papelão ondulado, das suas unidades industriais.

Leia Mais

Índice de confiança da indústria continua baixo

O otimismo da indústria continua baixo, de acordo com o Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei), divulgado nesta quinta-feira, 19, pela CNI. Em uma escala na qual valores acima de 50 pontos significam otimismo e abaixo desse patamar representam pessimismo, o indicador não passou de 50,2 pontos em julho. Ainda assim o resultado foi ligeiramente melhor do que o registrado no mês passado.

Leia Mais

O boom da celulose: a valorização em dólar foi de 44% no último ano

Isso também justifica, aliada à desvalorização do real frente ao dólar, os resultados muito bons, do ponto de vista econômico, que as empresas do setor têm apresentado. Estamos vivendo um ciclo de alta da celulose desde o ano passado, e esse é um cenário que não deverá sofrer grandes alterações nos próximos meses. Para o analista-chefe da Técnica Equity Research, Harold Thau, no curto e médio prazos, esse é um setor que ainda merece atenção por parte dos investidores.

Leia Mais

O boom da celulose

A celulose, nos últimos 12 meses, teve uma valorização aproximada, em dólar, da ordem de 44%. Isso também justifica, aliada à desvalorização do real frente ao dólar, os resultados muito bons, do ponto de vista econômico, que as empresas do setor têm apresentado. Estamos vivendo um ciclo de alta da celulose desde o ano passado, e esse é um cenário que não deverá sofrer grandes alterações nos próximos meses. Para o analista-chefe da Técnica Equity Research, Harold Thau.

Leia Mais

As queimadas apagam suas melhores lembranças

Neste ano, a campanha anual de prevenção e combate a Incêndios Florestais da CENIBRA terá como tema: "As queimadas apagam suas melhores lembranças”. O fogo destrói a fauna e a flora causando danos materiais, ambientais e até humanos. Prevenir incêndios é mais fácil que tentar apagá-los. Se cada um fizer a sua parte, poderemos revisitar nossas lembranças e também permitir que as futuras gerações façam o mesmo.

Leia Mais

Conservação Biodiversidade - Resultados do Monitoramento da Fauna evidenciam a Alta Qualidade Ambiental das áreas da CENIBRA

A CENIBRA desenvolve uma série de ações para monitorar parâmetros ambientais que sirvam como indicadores de qualidade para avaliar e acompanhar as atividades operacionais. Os programas de monitoramento de água, solo, fauna e flora são desenvolvidos em parceria com universidades e organizações não-governamentais.

Leia Mais

A indústria fabrica mais que produtos. Fabrica um Brasil mais forte.

Olhe em sua volta a indústria fabrica tudo que é importante para sua vida. Fabrica: liberdade, possibilidades, autoestima, encontros e saúde. A indústria fabrica empregos, geração de renda e desenvolvimento. Um setor fundamental para todos os outros. Confira vídeo da Confederação Nacional da Indústria.

Leia Mais

Expedição de papelão ondulado avançou para 324.324 toneladas em junho de 2018

A expedição de caixas, acessórios e chapas de papelão ondulado totalizou 324.324 toneladas em junho de 2018 segundo apuração prévia da ABPO. O volume total ficou 11,7% acima do resultado apurado no mesmo mês de 2017. Com um dia útil a mais (26 x 25), a expedição diária de junho de 2018 superou em 7,4% a de junho do ano passado.

Leia Mais

Instituto CENIBRA Promove Vivência Educativa

No dia 14/7, o Instituto CENIBRA e a Equipe Próspera realizarão uma ação lúdico educativa na Comunidade de Tronqueiras Camelos (Peçanha), em parceria com a Associação Comunitária de Tronqueiras, formada por 35 pessoas. O objetivo da ação é promover atividades que estimulem o trabalho em grupo, criatividade e o fortalecimento do sentimento de pertencimento da comunidade.

Leia Mais

A tecnologia das árvores plantadas

O Brasil é referência em produtividade florestal e por trás desse desempenho, além dos investimentos em pesquisa, estão os softwares de gestão. Saiba mais sobre a tecnologia das árvores plantadas. Com sua dimensão continental, o Brasil tem 7,8 milhões de hectares de plantios florestais e o setor brasileiro de árvores plantadas, mesmo ocupando menos de 1% do território nacional, responde por 91% de toda a madeira produzida para fins industriais.

Leia Mais